Passar para o Conteúdo Principal Top
Hoje
Máx C
Mín C
Logotipo Município de Vila Franca de Xira
pesquisar

Design de Autocarro Municipal com a temática do azulejo foi o objeto de distinção

Img 5507 v cartaxo 22 3 2018 1 1024 2500
Img 5516 v cartaxo 22 3 2018 1 1024 2500
Img 5522 v cartaxo 22 3 2018 1 1024 2500
Img 7136 1 1024 2500
Foto pr mio azulejo 1 1024 2500
25 Maio 2018

A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira foi premiada na edição de 2018 dos “Prémios SOS Azulejo”, com a atribuição de uma Menção Honrosa na Categoria “Divulgação”. O objeto desta distinção foi o design concebido por técnicos municipais, para um autocarro municipal que entrou em circulação em 2017, e cuja temática decorativa versa inteiramente sobre o riquíssimo património azulejar existente, concretamente sobre a azulejaria do Mercado Municipal de Vila Franca de Xira

A cerimónia de entrega dos ‘Prémios SOS Azulejo 2017’ realizou-se no dia 24 de Maio, pelas 15h00, no Palácio Fronteira, em Lisboa, contando com a presença do Vice-Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, António Oliveira. O Júri deste Prémio apresentou os parabéns à Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, não só pelo nível da sua candidatura, mas também pelo contributo da Autarquia na valorização do património azulejar português.

O Projeto “SOS Azulejo” é de iniciativa e coordenação do Museu da Polícia Judiciária (MPJ) e nasceu da necessidade imperiosa de combater a degradação do património azulejar português. Para além desta entidade, o Projeto conta com outras entidades parceiras, envolvidas em ações concretas de proteção e valorização do Azulejo em Portugal. São elas a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), a Direção Geral do Património Cultural (DGPC), o Instituto Politécnico de Tomar (IPT), a Universidade de Aveiro (UA), a Universidade de Lisboa – Instituto de História de Arte – Rede de Investigação em Azulejo (UL-IHA-RIA), a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia de Segurança Pública (PSP).

Consulte aqui a lista completa dos vencedores dos “Prémios SOS Azulejo”, na edição de 2018.