Passar para o Conteúdo Principal Top
Hoje
Máx C
Mín C
Logotipo Município de Vila Franca de Xira
pesquisar

Banco do Livro Escolar


Tendo formalizado o início do seu funcionamento a 23 de março de 2012, o Banco do Livro Escolar (BLE) tem como principal objetivo a promoção da troca gratuita de livros escolares, novos ou usados, do ensino básico e secundário, adotados pelo Ministério da Educação e Ciência.

Outros pontos de recolha


Bibliotecas Municipais de Vila Franca de Xira, Póvoa de Santa Iria, Forte da Casa e Vialonga, bem como no Bibliomóvel, sempre que este se deslocar ao Sobralinho, Alhandra, Cotovios, Castanheira do Ribatejo, Cachoeiras e Calhandriz.
Em abril de 2014 entrou em vigor a Campanha Reutilizar CTT, no âmbito do protocolo estabelecido entre o Movimento Reutilizar e os CTT que permitiu a qualquer pessoa entregar os livros escolares numa Loja CTT, sendo estes encaminhados gratuitamente para um dos bancos recetores (onde está incluído o nosso Banco).


 

Contactos


Casa da Juventude de Alverca
Rua da Escola (Edifício Panorâmico), Bairro da Chasa
2615 Alverca do Ribatejo
Telefone: 219 575 908
E-mail: bancodolivroescolar@cm-vfxira.pt

Horário:
julho a outubro - 4.ª, 5.ª e 6.ª feira, 14h00-18h00
novembro a junho - 4.ª e 6.ª feira, 14h00-18h00


Balanço do ano 2014


Durante o ano de 2014 recorreram a esta resposta da autarquia 2017 pessoas, entre doadores e recetores de manuais escolares, sendo a maioria residente no concelho e Vila Franca de Xira.

Foram movimentados 1148 livros escolares e 1050 manuais de apoio, entre estes, cadernos de testes, exercícios, dicionários, etc., mantendo-se a principal forma de contato com este serviço a ser presencial, seguida dos pedidos enviados por e-mail.

No que concerne ao número de manuais doados podemos referir que apesar de ter sido bastante superior comparativamente ao ano transato, principalmente com o início da iniciativa Reutilizar CTT, a maioria não se encontrava em condições de reutilização para serem disponibilizadas ao público, ou já não se encontravam em vigor de acordo com a adoção feita pelo Ministério da Educação e Ciência.

Em contrapartida, estes manuais que não puderam ser aproveitados para o BLE foram canalizados para duas campanhas em curso e igualmente reaproveitados no âmbito de cada uma delas:

  • 10. 532 Kg de papel foram enviados para o Banco Alimentar Contra a Fome de Lisboa, por intermédio da Associação para a Integração de Pessoas com Necessidades Especiais - AIPNE;
  • 2137 manuais/750Kg foram recolhidos pelo Exercito Português para serem posteriormente encaminhados para uma campanha de recolha de manuais escolares e outros materiais lúdico-pedagógicos para Moçambique.