Passar para o Conteúdo Principal Top
Hoje
Máx C
Mín C

Câmara Municipal de Vila Franca de Xira

pesquisar

Bibliotecas Municipais reabrem apenas com empréstimos domiciliários

Bibliotecas Municipais reabrem apenas com empréstimos domiciliários
20 Maio 2020

O Município de Vila Franca de Xira  procedeu à reabertura gradual das Bibliotecas Municipais a 19 de maio, disponibilizando apenas o serviço de empréstimos domiciliários.

As Bibliotecas de Vila Franca de Xira (Fábrica das Palavras), Alverca do Ribatejo e Póvoa de Santa Iria irão funcionar com o seguinte horário: terça a sexta-feira, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00 e ao sábado, das 10h00 às 13h00 e das 14h 00 às 16h00. As Bibliotecas do Forte Casa e Vialonga irão ter um horário mais reduzido e funcionarão apenas de terça a sexta-feira, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 16h00. No que diz respeito ao modo de funcionamento, na Fábrica das Palavras, o serviço de empréstimo domiciliário funcionará no Piso 0, na Biblioteca de Vialonga, será no hall de entrada do Centro Comunitário de Vialonga e em relação às restantes Bibliotecas, será delimitado um local especifico para o efeito evitando desta forma a circulação de pessoas pelos diversos espaços e consequentemente o contato com superfícies.

No seguimento das diversas orientações dadas pelas entidades competentes no que diz respeito às normas de funcionamento em espaço fechados relembramos que a entrada será condicionada de forma a respeitar o distanciamento social, será obrigatório uso de máscara e desinfeção das mãos.

Para mais informações consulte abaixo as normas de empréstimo domiciliário:

 

Por forma a facilitar o atendimento e preparação prévia dos documentos (livros, CD e DVD) a emprestar, estes têm de ser previamente reservados por email ou telefone para as respetivas Bibliotecas, ficando com os mesmos disponíveis para levantamento no dia seguinte. A reserva ficará sem efeito se os documentos não forem levantados no prazo de 3 dias após a sua disponibilização.

Nesta fase, excecionalmente, os prazos de empréstimo dos documentos requisitados (15 dias, renováveis até 1 mês) serão idênticos para os livros, CD’s e DVD’s. Os documentos serão disponibilizados aos requerentes dentro de um saco de plásticos (seguindo desta forma as orientações das entidades competentes).

Relativamente aos documentos devolvidos, seguindo as orientações da Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentaristas, devem ser higienizados e permanecerão numa quarentena por um período de 9 dias (este período poderá vir a ser alterado se, entretanto, forem publicadas novas orientações pela DGS), só após este período poderão os mesmo voltar a ser disponibilizados.